Lançamentos Lançamentos LPs
Terça, 25.06.2019
BUSCA: em  





R$ 31,90

Em Estoque - Nacional.
Joy Division - Coleção O Livro do Disco - Livro
Joy Division - Unknown Pleasures - Livro (:)

Lançamento: 12/9/2016
A história do Joy Division é, com frequência, encoberta por mitos construídos desde a sua criação. Mas a verdade é surpreendentemente simples: num período de poucos meses, o Joy Division deixou de ser mais um grupo punk ordinário para transformar-se - com a ajuda decisiva, genial e autoritária do produtor Martin Hannett - na banda criadora de um dos álbuns de estreia mais perturbadores, atmosféricos e influentes já gravados. De forma cuidadosa e apaixonada, o jornalista Chris Ott propõe separar o que é fato do que é mito, para mostrar como Unknown Pleasures - Joy Division foi concebido e por que ainda ressoa com tanta força nos dias de hoje.

Sobre a banda:
Criado em 1976, no auge da explosão punk, o Joy Division acabou por se tornar precursor e símbolo máximo do pós-punk em função da sonoridade única e revolucionária de Unknown Pleasures, seu acachapante disco de estreia. A produção de Martin Hannett potencializa em ecos e climas atmosféricos, ora agressivos, ora melancólicos, a solidão e a urgência das letras desesperadas e extremamente poéticas do vocalista Ian Curtis. Formada por Curtis, Bernard Sumner (guitarra), Peter Hook (baixo) e Stephen Morris (bateria), a banda - inicialmente batizada como Warsaw - teve seu fim prematuro em 1980, após o suicídio do vocalista/letrista aos 23 anos. Seus integrantes remanescentes formaram o New Order.

Sobre o autor:
Chris Ott é jornalista e crítico de música. Foi um dos primeiros colaboradores da revista online Pitchfork e já escreveu para diversas outras publicações, como The Village Voice, Perfect Sound Forever e Impose. Além de Unknown Pleasures, escreveu Shallow Rewards: Commentaries on Pop 2005-2012, lançado no formato e-book.

Autor: Chris Ott
Tradução: Gabriela Froes
Número de páginas: 120
Encadernação: Brochura
Formato: 13 x 19 cm
Ano de edição: 2015